Bloquear botão direito do mouse: Bloquear seleção de texto: Bloquear tecla Ctrl+C/Ctrl+V: Bloquear arrastar e soltar:

Seguidores

sábado, 5 de dezembro de 2020

NATÁLIA CORREIA

                              


Falavam-me de Amor

Quando um ramo de doze badaladas
se espalhava nos móveis e tu vinhas
solstício de mel pelas escadas
de um sentimento com nozes e com pinhas,

menino eras de lenha e crepitavas
porque do fogo o nome antigo tinhas
e em sua eternidade colocavas
o que a infância pedia às andorinhas.

Depois nas folhas secas te envolvias
de trezentos e muitos lerdos dias
e eras um sol na sombra flagelado.

O fel que por nós bebes te liberta
e no manso natal que te conserta
só tu ficaste a ti acostumado.

Natália Correia, in 'O Dilúvio e a Pomba'
 Natália Correia  já é habitual desta casa.    AQUI está a sua biografia.

15 comentários:

Maria Emilia B. Teixeira disse...

Bom dia Elvira.
Seja bem vindo dezembro! Bjs.

Mariazita disse...

Foi uma ideia óptima trazer-nos este excelente poema da grande Natália Correia, tão apropriado para a época que se aproxima.
Este ano o Natal vai ser forçosamente diferente, o que me causa bastante mágoa. Era a época do ano de que o meu saudoso marido mais gostava. Logicamente... a pensar nele, e em sua homenagem, costumo vivê-la duma forma muito especial, que este ano não será possível.
Tenhamos esperança de que para o ano seja melhor...

Continuação de boa semana.
Beijinhos
MARIAZITA / A CASA DA MARIQUINHAS


Os olhares da Gracinha! disse...

Bela a sua escolha!!!
Bj Elvira

MARILENE disse...

Elvira, você sempre nos traz talentos e aplaudo suas escolhas. Não conhecia a escritora, cuja biografia li, assim como o poema dela que você anteriormente publicou. Fiquei encantada com seu talento. Muito oportuna sua postagem. Bjs.

lua singular disse...

Oi Elvira,
São tantas poesias lindas que vejo sobre o menino Jesus que penso qualquer dia faço uma.
Linda poesia!!
Talvez ainda hoje
Beijos
Lua

" R y k @ r d o " disse...

Poema lindíssimo que amei ler.
.
Feliz fim de semana

Lucinalva disse...

Bom dia, Elvira
Lindo poema, Jesus é o nosso lindo Salvador. Bjs querida.

lua singular disse...

Oi Amiga,
Gostei muito da poesia da sua amiga.
Escreve divinamente bem
Obrigada por partilhar
Beijos no coração
Lua Singular

Micaela Santos disse...

Olá querida Elvira!
Espero que esteja bem. Lindo poema partilho de Natália Correia adequado a esra linda época natalícia!

Bjs e bom domingo

Mar Arável disse...

Natália Correia sempre

vieira calado disse...

Olá, amiga!

Que belo poema hoje nos traz!...

Uma boa semana para si!

Nal Pontes disse...

Belo poema. Bom dia querida. Bom vim no seu cantinho. Bjs

HD disse...

É este o amor que precisamos, nesta quadra tão especial... *_*
Abraço e muita saúde!

São disse...

Excelente escolha !

Beijinho , tudo d ebom

Fê blue bird disse...

Admiro muito a poesia de Natália Correia, tem um toque único tal como ela.
Aproxima-se um Natal tão diferente, como é diferente o que sentimos.

Um beijinho amiga Elvira, como votos de boa saúde.