Bloquear botão direito do mouse: Bloquear seleção de texto: Bloquear tecla Ctrl+C/Ctrl+V: Bloquear arrastar e soltar:

terça-feira, 15 de março de 2016

ADALGISA NERY










Eu te amo
Antes e depois de todos os acontecimentos
Na profunda imensidade do vazio
E a cada lágrima dos meus pensamentos.

Eu te amo
Em todos os ventos que cantam,
Em todas as sombras que choram,
Na extensão infinita do tempo
Até a região onde os silêncios moram.

Eu te amo
Em todas as transformações da vida,
Em todos os caminhos do medo,
Na angústia da vontade perdida
E na dor que se veste em segredo.

Eu te amo
Em tudo que estás presente,
No olhar dos astros que te alcançam
Em tudo que ainda estás ausente.

Eu te amo
Desde a criação das águas,
desde a ideia do fogo
E antes do primeiro riso e da primeira mágoa.

Eu te amo perdidamente
Desde a grande nebulosa
Até depois que o universo cair sobre mim
Suavemente.




Biografia AQUI 

9 comentários:

✿ chica disse...

Poesia linda e apaixonada de Adalgisa! Boa escolha! bjs, ótimo dia!" chica

Cidália Ferreira disse...

Palavras lindas e profundas!
Quem não gosta de as ouvir?

Beijo e um dia feliz

Coisas de Uma Vida 172

Bell disse...

Declaração de amor assim alegra a alma e o coração.

bjokas =)

Poções de Arte disse...

Bom dia, Elvira!
Declaração de amor apaixonado, com alegrias e dores...

Abração esmagador e ótima semana.

São disse...

Gostei de conhecer

Beijinhossss

Fê blue bird disse...

Amiga Elvira, obrigada por este partilha de um poema de amor tão belo e de uma poeta que desconhecia.
Vou pesquisar mais sobre ela.

Um beijinho

Renata Maria disse...

Linda declaração. Amei, querida.
Beijo*

manuela barroso disse...

Uma alma poética que ama para além de todo , o TODO!
Adorei !
Beijinho Elvira.

Maria Teresa de Brum Fheliz Benedito disse...

Que poesia linda querida Elvira!
Sua escolha perfeita como sempre, grande beijo em seu coração.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...