Bloquear botão direito do mouse: Bloquear seleção de texto: Bloquear tecla Ctrl+C/Ctrl+V: Bloquear arrastar e soltar:

segunda-feira, 14 de setembro de 2009

REGINA COELI




O uivo do vento

Quando na sua solidão
encontrar a minha ausência.
Quando nos seus abraços
não encontrarem o meu peito,
quando os seus lábios
não encontrarem os meus beijos,
quando na sua saudade encontrar um lamento,
escuta o uivo do vento.
Serei em sua vida
um raio, uma tempestade,
um murmúrio na escuridão.
Um gemido de saudades
voando no seu desejo.
Estarei no brilho dos seus olhos,
serei o seu aconchego
e no delírio de amor
serei o seu calor!
Nos meus lençóis amarrotados
que a lua enche de luar
aonde você vai acordar,
encontrará suspiros ternos de amor.
Vem bailar nos olhos de quem lhe ama,
não deixe apagar essa chama
que a lua a noite ateou.
Serei um toque de veludo,
serei tudo...
Serei a felicidade, serei a vida
jamais esquecida...
Serei a alma que o desejo agita,
o eco do silêncio, que grita
Serei você e serei eu...

Regina Coeli


Biografia

"Sou uma pessoa guerreira e espiritualista. Gosto de fazer amizades, viajar e ir ao encontro de novas culturas. Fiel aos meus princípios, sou amorosa, adoro escrever, sonhar, namorar, tomar banhos de cachoeiras e viver a vida intensamente. Gosto de olhar o mundo na cor do céu! Adoro os meus filhos, o meu neto e os meus amigos. Tomara que vocês gostem do meu cantinho, desejo muita luz a todos! Deixo uma mensagem para reflexão. Existem pedras, não desista de andar... Existem barreiras, não desista de pisar... Existem os nós, é preciso desatar. Existe o desânimo, é o pior que há. A estrada é longa, não desista de chegar. Existe o cansaço, é preciso caminhar. Existe a derrota, você nasceu para ganhar. Existe o desamor... é fundamental amar..."

Estas são as palavras com que a autora se descreve no seu blogue

http://deusaodoya.blogspot.com/

6 comentários:

Deusa Odoyá disse...

Minha querida amiga.
Obrigado por essa homenagem,o retrato do dia a dia de uma poetisa sonhadora.

Adoro escrever,e com isso planto o amor em todas elas.
Minha amiga linda , obrigado pela acolida em seu blog.
Beijinhos de muita luz e paz.
Regina Coeli

Deixo para você minha amiga em forma de agradecimento:
Temos que ter sempre a sabedoria espiritual, para assim vivermos a material.
Quando o verdadeiro amor está presente, vindo do nosso íntimo através de nossa fé, conseguimos sair do gelo da dor e transformarmos em amor.
E assim doarmos aos irmãos buscando sempre as coisas do alto,e com certeza outras virão por acréscimos.
È assim , minha doce amiga Elvira que escrevo meus poemas., sempre caminhando ao encontro do amor.
Bejinhos de muita paz, e luz.
Regina Coeli.

Ângela Coelho disse...

Elvira, realmente Regina Coeli é merecedora de tua homenagem. Ela escreve com um sentimento muito profundo.
Beijos no coração de vocês duas.

Fernanda disse...

Amiga Elvira,

Belíssimo poema, para uma lamechas é para matar ;)

Beijos

Maria Clarinda disse...

Voltei...obrigada pela partilha! Adorei.
Jinhos

Nuno G. disse...

Descobri agora o seu blogue e queria felicitá-la pela excelente selecção de poemas.

(www.minha-gaveta.blogspot.com)

FERNANDA & POEMAS disse...

QUERIDA ELVIRA, ADOREI O POEMA DA REGINA... VOTOS DE UM BOM FIM DE SEMANA... ABRAÇOS DE AMIZADE,
FERNANDINHA

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...