Bloquear botão direito do mouse: Bloquear seleção de texto: Bloquear tecla Ctrl+C/Ctrl+V: Bloquear arrastar e soltar:

segunda-feira, 15 de janeiro de 2018

PENSO EM TI






PENSO EM TI





Penso em ti
Na solidão
angustiada
dos dias
que dançam
em ondas de agonia
no oceano
do meu corpo
esquecido.

Penso em ti
Nos labirintos
do sonho
perdida.
Como barco
sem rumo
nem norte
em mar de
tempestade.

Penso em ti
Na escuridão
silenciosa
da minha noite
que cavalga
o tempo sem fim
do meu corpo
ondulante
de desejo.

Penso em ti
Principio e fim
da razão
do meu ser.



Elvira Carvalho

10 comentários:

Janita disse...

Belo poema!

O corpo já não é o da imagem, mas o sentimento de desejo e volúpia, solidão e ternura, está todo lá.

Parabéns, Elvira.

Um abraço

Cidália Ferreira disse...

Uau!
Excelente!!!

Beijinhos

esteban lob disse...

Muy lindo poema, Elvira. Tienes talento múltiple.

Abrazo austral.

Ontem é só Memória disse...

Muito bonito!

Bjxxx
Ontem é só Memória | Facebook | Instagram

No Reino do Infinito disse...

Amei...um blog mesmo à minha medida!

Que lindo, parabéns!
E porque hoje é dia do "Obrigado", agradeço-lhe por me ter trazido até aqui.

Infinitos muito agradecidos.

Profª Lourdes Duarte disse...

Linda poesia e uma bela imagem! Abraços querida Elvira!

Tais Luso disse...

Muito bonito, inspiradíssima!
Beijo, Elvira, excelente semana pra você.

Cidália Ferreira disse...

Passo para lhe desejar boa noite.

Beijo

lis disse...

Cheia de inspiração e declarações de amor Elvira
Bravo! gosto !

Hetero Doméstico disse...

Muito bonito! :-)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...