Bloquear botão direito do mouse: Bloquear seleção de texto: Bloquear tecla Ctrl+C/Ctrl+V: Bloquear arrastar e soltar:

terça-feira, 27 de janeiro de 2015

ALEXANDRA SANTOS

PASSEIO AS MÃOS PELO TEU CORPO E SINTO-TE...



Passeio as mãos pelo teu corpo e sinto-te…
Sinto o pulsar do teu coração que bate desenfreado
Sinto a tua respiração num ritmo descontrolado…
Sinto que queres ser minha como eu ser teu
Sinto que és a rainha deste plebeu…
Mas sinto essencialmente a tua pele…
Toda ela é a tua essência
Toda ela é a mulher que foste,
A mulher que és, a mulher que amo:
Pele madura, vivida,
Repleta de marcas do tempo,
Perfeita para mim;
Pele suave, sensível,
Propensa a arrepios,
Beijada até ao fim…
Pele… é tua… é minha… é nossa…
Onde a tua termina, a minha começa…
Quando a tua sente frio, a minha te aquece
Quando a tua sente ardor, a minha te arrefece…
Não preciso de mapa para me orientar
Mas na tua pele ainda me posso perder
Em cada cicatriz, em cada recanto,
Em cada sinal, em cada encanto…
Pele com pele, eu sinto o teu aroma…
Pele com pele, o nosso único idioma…



Alexandra Santos, in Palavras Sussurradas, Chiado Editora, 2014


Biografia: Professora de Português e Inglês a autora desde menina que sonhava com o mundo das letras. Influenciada pelos poetas que estudava apaixonou-se pela poesia e começou a escrever. Gostava de vos dizer mais sobre esta poetisa mas sinceramente não encontrei nenhuma biografia. Mas no YouTube encontram alguns vídeos da autora e seus poemas.













10 comentários:

✿ chica disse...

Linda e bem inspirada poesia! bkjs, de volta,chioca

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

As mãos de quem amamos
trazem as tintas
que nos colorem
de esperança...

Que ainda haja estrelas em seu coração,
é o que deseja minha vida para a tua.

Bruxa disse...

Bom dia, Elvira!
Bela poesia, pena não encontrar documentos sobre a autora.
Abraços e lindo dia.

Carmem Grinheiro disse...

Olá Elvira,
pele com pele, o mais belo idioma.

bj amg

Maria Rodrigues disse...

Um sentir intenso, um passeio pela paixão.
Excelente escolha, lindo poema.
Beijinhos
Maria

Bruxa disse...

Bom dia, Elvira!
Passei pra deixar meu abraço e te desejar ótima semana.

Emília Pinto disse...

Não conheço a autora, mas gostei muito do poema. O amor inspira sempre os poetas e deveria inspirar toda a humanidade. Infelizmente assim não é. Muitas vezes digo " como podemos pedir paz para o mundo se muitas vezes, dentro de 4 paredes há tanta guerra até com mortes.?
o amor nem sempre é só felicidade, mas não podemos prescindir dele. Um beijinho, Elvira e muito obrigada pela partilha
Emília

EU disse...

Parabéns pelo trabalho de divulgação de poetas que faz neste agradável espaço.
:) :)

Smareis disse...


Embora não conhecer o trabalho da autora, acho que era escreve de uma forma magistral.
Belíssimo poema!

Um abraço!
Ótima semana!

Blog da Smareis- É só clicar aqui!

Alexandra Santos disse...

Boa noite,
Muito obrigada pela partilha do meu poema e por todos os comentários positivos. Fico muito contente pelo facto de terem gostado. O meu nome é Alexandra Santos e sou eu a autora. Se alguém estiver interessado em ler mais, pode passar pela minha página do facebook: https://www.facebook.com/livropalavrassussurradas/

Parabéns pela sua página de divulgação de poesia!

Beijinhos

Alexandra Santos

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...