Bloquear botão direito do mouse: Bloquear seleção de texto: Bloquear tecla Ctrl+C/Ctrl+V: Bloquear arrastar e soltar:

domingo, 29 de setembro de 2013

ALZIRA CABRAL








Mantenha

Filha do teu adultério
existo
queiras ou não com a mesma pele.
Exilada
sobrevivo contente na terra dos sem cor.
Com a boa vontade que ganhei
das gentes daqui,
sem ressentimentos nem vergonha
cultivo a mentira da tua grandeza
no existir dos meus descendentes.

E mando mantenhas, oh terra
através dos meus poemas vermelhos:

A cor que me deste!

Biografia
Alzira Cabral nasceu em Cabo Verde (Bissau) em 1955. Sua obra encontra-se dispersa em revistas e uma seleção dos seus poemas foi publicada na antologia “Mirabilis de veias ao sol” (1991). O poema acima foi extraído da antologia “Poesia Africana de Língua Portuguesa”, organizado por Lívia Apa, Arlindo Barbeitos e Maria Alexandre Dáskalos. Lacerda Editores, RJ, 2003.

Poema e biografia retirados daqui

16 comentários:

Sinval Santos da Silveira disse...

Bom dia!
Devo dizer que fiquei emocionado com seu belo trabalho.
Parabéns...
Abraços
sinval

Maria Rodrigues disse...

Um poema tão belo como essa rosa vermelha.
Bom restinho de domingo
Beijinhos
Maria

Sonhadora (RosaMaria) disse...

Minha querida

Hoje passando para dizer que estou a ser entrevistada no RECANTO DOS AUTORES, será um prazer a tua visita. Deixo o Link:

http://recantodosautores.blogspot.pt/

Um beijinho com carinho
Sonhadora

São disse...

Cabo Verde é intrinsecamente a terra da música e da dança, mas tem um grupo de escritores e escritoras que merece ser conhecido.

Grato abraço por me dar a conhecer esta senhora.

LUZ disse...

Olá, estimada Elvira!

O poema não é, à primeira vista, de fácil compreensão.

O assunto versado já não é tabu agora, mas quando ela foi gerada e nasceu, ERA.

Vê-se que a poetisa o escreveu com "raiva", mas também com muito determinação, QUE MANTÉM, até hoje.

Sabe escrever, tem métrica certa e tem muito orgulho, em ter sido o fruto de um relacionamento, considerado fora do consentido.

Quer queiram ou não, ela existe e é GENTE, e que gente!

Beijos para todos.

Sonhadora (RosaMaria) disse...

Minha querida

Passando para agradecer a visita e deixar um beijinho com carinho.

Sonhadora

✿ chica disse...

Lindo poema, bela tua escolha e rosas inspiram sempre! beijos,linda semana,chica

lis disse...

Venho c saudades de ler os poemas que tão bem escolhe e que sempre são novidades para mim,
Gosto das pesquisas e de conhecer novos poetas.
Obrigada Elvira
um abraço

Maria Alice Cerqueira disse...

Boa tarde querida amiga

Amizade é um laço fraterno que vai se conquistando pouco a pouco.
Amizade é um elo de Amor que vai se fortalecendo dia apôs dia.
Amizade requer uma sabedoria toda própria, para que ela cresça e amadureça.
Amizade é um sentimento de Amor que é perseverante nela mesma.
Amizade é um sentimento fraterno entre duas ou mais pessoas, que fazem de um todo para fazer os seus amigos felizes.
Muitas vezes deixam de fazer a sua própria vontade para fazer a do seu querido amigo, só para o ver com um lindo sorriso em seus lábios, que na transparência de seu olhar, sentem que este sorriso vem do fundo de seu coração.
Obrigada por sua amizade.
Por sua linda presença lá meu cantinho!
Por seus amáveis comentários.
Obrigada de todo o coração
Uma linda tarde para você
Abraço amigo!
Maria Alice

ONG ALERTA disse...

Buscou uma linda inspiração...
Beijo Lisette

edumanes disse...


Bom dia com alegria!
Bom fim de semana e prosperidade
Saúde, paz, carinho e amor, de noite e de dia.
Das minhas para as tuas mãos delicadas
Pega na chave da porta da nossa amizade
Por Deus com carinho e amor abençoadas
Mantém a porta do teu coração, aberta à felicidade.

Para ti, amiga Elvira.
um abraço,
Eduardo.

edumanes disse...

Se eu pudesse te beijava!...
Num momento de coragem
Se eu pudesse te levava
às nuvens numa viagem

Te desejo um domingo
bem passado,
No teu peito uma flor
O teu corpo perfumado
De carinho e muito amor

Um beijo
Eduardo.

Olinda Melo disse...


Cara Elvira

Alzira Cabral, uma Mulher cheia de força nas suas palavras.

(Permita-me rectificar um pormenor: Se esta poetisa nasceu em Bissau, então o país é Guiné-Bissau e não Cabo Verde.Segui o link e a imprecisão vem dessa fonte)

Gostaria também de referir o significado aproximado de 'Mantenha' ou de 'mantenhas':'mandar mantenha' é enviar cumprimentos ou saudades.

Peço desculpas pela minha intromissão.

Bjs

Olinda

Maria Emilia Moreira disse...

Olá Elvira!
É bom conhecer gente com a força e a determinação desta poetisa! Confesso que nunca li nada dela, mas vou procurar.A " blogosfera" tem destas coisas boas, a partilha de saberes. Um abraço e até sempre.
M. Emília

Maria Teresa Fheliz Benedito disse...

Bom dia Elvira!
Amei conhecer esta grande poetisa Alzira Cabral.
Linda escolha querida amiga, bjs no coração.

Gelma Teles disse...

olá!! Preciso de uma análise deste poema!! Alguém pode me ajudar?

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...