Bloquear botão direito do mouse: Bloquear seleção de texto: Bloquear tecla Ctrl+C/Ctrl+V: Bloquear arrastar e soltar:

quarta-feira, 7 de agosto de 2013

JESSICA NEVES





HINO AO DESEJO E À FANTASIA

Cai a noite de mansinho, nua
Em pleno olhar de lua cheia
Agridoce tentação, minha e tua
Adivinhando a última ceia...

Contorno traço a traço o teu rosto
Dos teus lábios de mar, provo o sal
Sinto a ondulação, saboroso mosto
Des(a)pertando o toque celestial...

De asas acetinadas, somos anjos nus
Clamando o hino ao desejo e à fantasia
Diamante lapidados sem tabus
Em noite mágica, recital de poesia...

Troncos suados no cais do prazer
Soprando alto a mais pura paixão
Poema-explosão, sede de pertencer
De quem se quer em êxtase-união!

Afogados a meio da estrela sírio
Nossos corpos mornos, estremecidos
Ancorados um ao outro, em delírio
Exaustos, poeticamente rendidos...

Desvendando segredos ao ouvido
Nu(m)a explosão sem amanhã
Desatam-se as fontes em vagido
Com aroma a canela e hortelã!

Jessica Neves


Biografia

Com menos de 20 anos, Jessica Alexandre Raimundo Neves, nasceu a 8 de Março de 1994, é não uma promessa mas já uma certeza na literatura portuguesa. Natural de Coimbra, descobriu o gosto pela poesia aos 17 anos, mas tem já um livro publicado,  "(Sem) Papel e Caneta (Com) Alma e Coração" da Chiado Editora, várias participações em antologias de poesia, como a "Audaz Fantasia" da UniVersos ou "entre o sono e o sonho" da Chiado Editora. Já ganhou também alguns concursos de poesia.  Aqui
encontram o seu blogue. Vão até lá e verão que não se arrependem





14 comentários:

Jessica Neves disse...

Muito obrigada pelo carinho da partilha querida Elvira Carvalho! Afinal é de partilha que se faz a vida!

Este é um espaço extremamente acolhedor, polvilhado de belas essências poéticas!
Vou seguir!

Felicidades *

Beijinhos poéticos *

Jessica Neves *

edumanes disse...

Chega o sol de mansinho
Para não perturbar o amor
No roseira um espinho
A seu lado, uma rosa com calor.

Chega a noite com frescura
Surge a lua prateada
Ilumina não perturba
Se não for pelas nuvens incomodada.

No silêncio da noite calada
De prazer ouvem-se gemidos
Pelo desejo da vontade iluminada
De tanta felicidade não escondidos!

Parabéns poetisa
Jessica, continua a escrever
A tua linda poesia
Gostei muito de a ler!

Boa dia e um abraço para você,
amiga Elvira.
Eduardo.

✿ chica disse...

Maravilhosa poesia e parabéns à poetisa! beijos às duas,chica

Ricardo- águialivre disse...

Boa tarde

Simplesmente: BRILHANTE

Fique feliz
*************************
http://pensamentosedevaneiosdoaguialivre.blogspot.pt/

Evanir disse...

Procure um lugar próximo à janela
desfrute cada uma das paisagens
que o tempo lhe oferecer,
com o prazer de quem realiza a primeira viagem.
Não se assuste com os abismos,
nem com as curvas que não lhe
deixam ver os caminhos que estão por vir.
Procure curtir a viagem da vida,
observando cada arbusto, cada riacho,
beirais de estrada e
tons mutantes de paisagem.
Preste atenção em cada ponto de parada,
e fique atento ao apito da partida.
E quando decidir descer na estação
onde a esperança lhe acenou,
não hesite.
Desembarque nela os seus sonhos.
De aquele abraço apertado nesse Dia Dos Pais ,
Que espera você na última estação .
Caso seu pai não esteja a sua espera
muitos pais estão a espera dos filhos.
De aquele abraço com um largo sorriso
o importante é saber , que nesse Domingo
esteja feliz seja como filha , filho
ou pai.
Um abraço e um beijo carinhoso.
Que seja eterna nossa amizade.
Caso gostar na postagem
deixei um mimo para você.
No Domingo Realizarei o sorteio do livro.
A venda também na Rede Ponto Frio.
Para presentear seu Pai.
Me prometa ser Feliz .
Evanir S Garcia.

MANUEL GOMES disse...

Elvira: Lindo poema essa menina tem alma de poetisa, Parabéns adorei Beijos para as duas belas flores.
Santa Cruz

São disse...

Muito bem!

Que a autora tenha sucesso.


Abraço a ambas

Maria Teresa Fheliz Benedito disse...

Olá Elvira, bom dia!
Amei sua visita viu?
Que poesia linda desta novinha poetisa que brinca tão bem com as palavras poetizando magistralmente.
Adorei.
Grande beijo em seu coração amiga querida.

Daniel Andre disse...

Bom dia amiga,

Estou altamente encantado com a beleza do seu blogue, bem com as palavras, frases, versos bem expressados. É um espaço agradável aos nossos olhos, e um convite a todos que apreciam essa beleza. Essa poesia em especial, é apaixonante e sensual. Gostei muito!

Além de já estar te seguindo, te convido a fazer uma visita no meu humilde blogue de poesias de minha autoria, caso desejar.

http://gagopoetico.blogspot.com.br/

Grande abraço,
Fique sempre na paz!

Dan.

Silenciosamente ouvindo... disse...

Gostei muito deste poema é realmente
uma promissora poetisa. Os meus
parabéns.
Bj.
Irene Alves

Brisa Petala disse...

OI QUERIDA ELVIRA
Que maravilhosa poesia.Que seu anoitecer seja tão encantado como a mágica de todas as fadas.Um feliz fim de semana.
Com carinho.
Ana

MARILENE disse...

Talentosa. Seu poema é belo e a sensibilidade é explorada com requinte. Gostei muito de conhecer seu estilo. Bjs.

esteban lob disse...

Hola Elvira:

Hace tiempo que no visitaba tus otros blog. Ahora lo hago con mucho gusto e interés.

Un abrazo.

LUZ disse...

Boa noite, Elvira!

Esta menina/poetisa, promete, aliás, já está a prometer.

Com menos de 20 anos, e a escrever desta maneira!

Tem um vocabulário riquíssimo, tal como a sensualidade, que acompanha o poema.

Beijos para todos.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...