Seguidores

sexta-feira, 2 de janeiro de 2009

NOÉMIA DE SOUSA



INFELIZMENTE JAMAIS


No instintivo temor das ruas

Maria hesitava nos passeios

até não pressentiro mais fugaz

presságio.

Contorno de sombra

à berma de uma além –asfalto

fatal presságio da rua

infelizmente já não

a intimida.




Cumprido o funesto prenúncio

já atravessava uma avenida

infortunadamente já nenhum risco

intimida o espírito

de Maria.




Doentiamente eu amaria ver

Maria ainda amedrontada

e nunca como depois

em que já nada a intimida.


Noémia de Sousa


Biografia


Noémia de Sousa, nasceu em Catembe, Moçambique, em 1926 e faleceu em Cascais, Portugal, em 2002. Poeta, jornalista de agências de notícias internacionais viajou por toda a África durante as lutas pela independência de vários países. Só publicou tardiamente seu livro de poesias Sangue Negro, em 2001.

14 comentários:

paradoXos disse...

felizmente existes pra nos brindar assim... poematicamente... tão bem!
teu beijo em 2009 prosperidades!

Sonia Schmorantz disse...

Primeiramente me encantou o nome que deste ao blogger: A mulher e a poesia...tão simples quanto a maria, tão real quanto o que descreves... virei mais vezes ler.
Bom final de semana

Nuno de Sousa disse...

Bela poesia dessa Srª e nada como dares a conhecer outros nomes menos conhecidos.
Era para te escrever no blog onde ganhaste o prémio de honra mas como não consigo lá, deixo aqui :-)
Ás vezes os últimos são os primeiros :-) e nada de como um prémio honrado a amizade... por isso amiga que tenhas um grande ano de 2009.
Bjs
Nuno de Sousa

Sonia Regly disse...

Elvira,
Obrigada por seu carinho por sua amizade. Obrigada por me visitar sempre.Feliz e abençoado 2009, para vc e toda sua família.

Ana Martins disse...

Excelente poesia!
Parabéns pelo bom gosto,
beijinhos,
Ana Martins

Leonor Cordeiro disse...

Querida Elvira,
Estou viajando, loonnnnge de casa...
Só conseguirei vir ao computador algumas vezes.
Que saudade eu sinto de todos vocês.
Mil beijinhos!
Com carinho,
Leonor Cordeiro

Leonor Cordeiro disse...

Querida Elvira,
Estou viajando, loonnnnge de casa...
Só conseguirei vir ao computador algumas vezes.
Que saudade eu sinto de todos vocês.
Mil beijinhos!
Com carinho,
Leonor Cordeiro

Leonor Cordeiro disse...

Querida Elvira,
Estou viajando, loonnnnge de casa...
Só conseguirei vir ao computador algumas vezes.
Que saudade eu sinto de todos vocês.
Mil beijinhos!
Com carinho,
Leonor Cordeiro

SADY FOLCH disse...

Elvira, é sempre um prazer passar por tua página e ler poesias que inspiram a criação.

Um forte abraço com votos de um Ano Novo maravilhoso.

Sady

Alice Matos disse...

Um poema forte...
como forte seria a sua autora...

Beijo para ti...

Serena Flor disse...

Não conhecia Noémia de Souza...obrigada por me apresentar à esta belíssima senhora de versos simples e tão poéticos.
Um grande beijo e um Domingo de paz pra você minha querida.

Sonia Schmorantz disse...

Talvez a nova semana tenha dificuldades, ainda assim haverá alegrias...
Talvez a nova semana tenha preocupações, ainda assim haverá soluções...
Talvez a nova semana traga alguns atritos, ainda assim trará o desafio do aprendizado do convívio...
Talvez não seja exatamente como a queremos, mas podemos nos surpreender e alegrar com o que nos trará.
Tomemos a nova semana com disposição de vivê-la do melhor jeito, de abraçar a parte feliz e de aprender com o que contrariar a nossa expectativa.
Tenhamos boa vontade com a nova semana e um sentimento de profunda gratidão à vida.
Um abraço

Sergio monteiro disse...

adorei a biografia resumida de Noemia de Sousa. Bem adoro poesia e por aqui sem nadarei. Oi meu e-mail, (sergiolmonteiro@aol.com). Vamos ser amigos pessoal.

Oriente disse...

e uma biografia interessante. demorou lançar o livro amas por ultimo conseguiu, muito bom!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...