Bloquear botão direito do mouse: Bloquear seleção de texto: Bloquear tecla Ctrl+C/Ctrl+V: Bloquear arrastar e soltar:

Seguidores

quinta-feira, 25 de abril de 2019

25 DE ABRIL - DIA DA LIBERDADE






Liberdade

Meu sonho de menina
Na vida suspensa
Nas palavras amordaçadas
Vermelhas como sangue
Derramado
No cárcere da ditadura.
Eras a musa sonhada
Pelos poetas deste país
Amordaçado.
Mulher desejada e proibida
Nos sonhos dos homens
Do Minho a Timor.

Liberdade

Eras o farol procurado
Que todos acreditavam
Havia de os guiar
À libertação
Da longa e tempestuosa
Noite fascista.
Mas eras também
Semente a germinar
Coragem.
No corpo e alma das gentes
Do meu país.
À espera do momento certo.

Emergiste em Abril
Determinada
Nas mãos crispadas
Sobre as armas
De homens audazes.
A esperança e o sonho
Nos carros de combate
Rasgando as trevas da noite.
Liberdade
Enfim chegaste
Rubra como o sangue
Derramado
Nos campos de batalha.
Pacífica como um cravo
No cano de uma espingarda.

Elvira Carvalho

13 comentários:

Roselia Bezerra disse...

Bom dia de festa querida amiga Elvira!
Muito lindo seus proclamas neste dia!
Viva a Liberdade!
Bjm carinhoso e fraterno de paz e bem

Majo Dutra disse...

Muito sangue derramado, sim.
Gostei muito do poema.
Abraço festivo.
~~~~

lua singular disse...

Oi Elvira
Um poema forte
É de guerra?
Beijos
Lua Singular

HD disse...

Bela homenagem a um marco histórico do nosso país! :-)
Bom fim de semana, Elvira!

Zilani Célia disse...

OI ELVIRA!
FORTE, PATRIÓTICO E DE MÃOS DADAS COM A MÃE, A POESIA.
MUITO LINDO AMIGA, AINDA MAIS PELO QUE REPRESENTA.
ABRÇS
http://zilanicelia.blogspot.com.br/

Pedro Luso disse...

Bravo, Elvira! O seu poema ("Liberdade") é tocante, um grito que veio lá de trás, dos tempos sofridos.
Um ótimo domingo, amiga Elvira.
Um abraço.
Pedro

ركن الامثل disse...






شركة تنظيف منازل بالجبيل
شركة تنظيف بالجبيل
شركة تنظيف سجاد بالجبيل
شركة تنظيف شقق بالجبيل
شركة تنظيف فلل بالجبيل
شركة تنظيف مجالس بالجبيل
شركة تنظيف منازل بالقطيف
شركة تنظيف مجالس بالقطيف
شركة تنظيف سجاد بالقطيف
شركة تنظيف شقق بالقطيف

Marina Filgueira disse...

Elvira, te dejo un plauso prolongado y mi felicitación, en este poema hay un profundo recuerdo que quisiéramos olvidar, pero no se olvida, porque las dictaduras dejan profundad heridas el alma. Me ha gustado mucho leerte.

Te dejo mi inmensa gratitud y estima.
Un abrazo y se muy muy feliz.

manuela barroso disse...

Só quem viveu esta libertação , sabe descrever tão bem poeticamente, o que foi e quanto custou a Liberdade . Parabéns.
Beijinho, Elvira

Donetzka Cercck L. Alvarez disse...

Que lindo poema,amiga Elvira!O que você não faz bem? Em todos os seus blogs só pérolas!
Liberdade é tudo o que de mais importante existe e tem que ser comemorada.
Espero que seu olho direito tenha melhorado.Fé e força!


Tem post novo hoje,dia 2,no meu blog.

Obrigada pelas visitas e volte sempre.

Beijos sabor carinho e uma quinta_feira de paz!

Donetzka

Blog Magia de Donetzka

lua singular disse...

Oi Elvira
Muito linda poesia
Você é ótima poetisa
Beijos no coração
Lua Singular

Sandra May disse...

Boa noite, Elvira!
Não conhecia este seu blog, vim através do link com o endereço que você deixou nos comentários do Letras Que Se Movem.
O poema eu li lá no Sexta- feira, é lindo. Lembro que até coloquei no comentário que o meu desejo é que Portugal nunca retroceda ao fascismo, como está acontecendo no Brasil.
Quanto ao que vc solicitou, é claro que pode sim, será uma honra pra mim.
Muitas alegrias e saúde para você e os seus.
Abraço.

Os olhares da Gracinha! disse...

Sempre a tempo de ler um belo poema!!!
Bj