Bloquear botão direito do mouse: Bloquear seleção de texto: Bloquear tecla Ctrl+C/Ctrl+V: Bloquear arrastar e soltar:

sábado, 19 de dezembro de 2015

CARMEN VERVLOET




EU AINDA NÃO ENCONTREI O QUE PREGUEI 
Eu caminhei de um lado a outro…
 Atravessei continentes…
 Procurei nas aldeias distantes…
 E também no centro das metrópoles… 
Mas ainda não encontrei o que preguei…
 Procurei no sorriso da criança… 
Ou na consciência do adulto…
 Em cada vulto… 
Um indulto… 
Uma esperança… 
Mas ainda não encontrei o que preguei… 
Viajei… 
Naveguei…
 E novamente solucei… 
Pelo que não encontrei… 
Uma paz em uníssono… 
E ainda não encontrei o que preguei… 
Voltei em silêncio… 
Vi tantas guerras… 
Tanto calafrio… 
Tanta morte anunciada em vida…
 Vestida de Midas…
 E ainda não encontrei o que preguei…
 Vasculhei as cidades… 
Vi tanta desigualdade… 
Mesas cheias, frutas importadas… 
Árvores coloridas, tão iluminadas… 
Enquanto em tantas casas falta 
O pão de cada dia… 
Morrendo de fome tantos Josés e Marias… 
E ainda não encontrei o que preguei… 
Percorri todos os distritos… 
Vi crianças pedindo esmolas… 
Crianças sem escolas… 
Rostos contritos… 
Pais aflitos… 
E ainda não encontrei o que preguei… 
Procurei por todas as ruas… 
Vi tantas almas nuas… 
Adolescentes drogados, abandonados… 
Idosos nas calçadas jogados… 
E ainda não encontrei o que preguei… 
Fotografei cada coração… 
No lugar da alegria e do perdão 
Só enxerguei mágoa e tristeza…
 Vi muita dureza e aspereza… 
E ainda não encontrei o que preguei… 
Ainda não encontrei o que procurei… 
Um eco constante a cada ano… 
Que ressoa aos meus ouvidos…
 Vem-me o desânimo… 
Os ideais de fraternidade… 
Irmãos dêem-se as mãos… 
Não fiquem na contramão do amor… 
Semeando angústia e dor… 
Porque o que preguei…
 Foi à festa da libertação… 
A igualdade entre os homens
 Sem discriminação… 
O direito à vida… 
Toda gente por mim foi redimida! 
Porque o que preguei… 
Foi o direito a conscientização… 
A luta para extinguir o mal… 
E o desejo de um mundo ideal… 
Porque o que preguei… 
Foi o grito de protesto a opressão… 
O dia a dia lutando com ardor… 
Para a morte da miséria… 
Para a ressurreição do amor… 
Eu preguei a paz… O respeito…O amor…
 E como nada disso 
Entre os homens encontrei… 
Continuo procurando o que preguei… 
Carmen Vervloet 


Biografia de Carmen Vervloet
A autora está na Internet. Tem um blogue AQUI 

8 comentários:

Cidália Ferreira disse...

Um texto Divino! Amei

Bom sábado. Beijos

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

Catarina disse...

Lindo :) Um ótimo Sábado

António Jesus Batalha disse...

Encontrei seu blog e é uma honra estar a ver e ler o que escreveu, quero felicitar-vos, pois é um bom blog, sei que irá sempre fazer o melhor, dando-nos boas noticias, e bons temas.
Quero aproveitar a oportunidade para partilhar o meu blog : Peregrino E Servo.
Vou ficar muito feliz se tiver a gentileza de fazer uma visita ao meu blog.
PS. Se seguir, fique a saber que irei seguir também seu blog, se o conseguir encontrar.
António Batalha.
Parabéns e muitas felicidades.
http://peregrinoeservoantoniobatalha.blogspot.pt/

São disse...

Desconhecia.

Amiga, alegres Festas, bom Natal e felzi 2016 junto a quem desejar.

Beijinhosss

Elisa Bernardo disse...

Gosto imenso de ler os seus posts. Mais um tão bonito!
beijinhos
elisaumarapariganormal.blogspot.com

Isa Sá disse...

Uma mensagem para refletir.

Isabel Sá
http://brilhos-da-moda.blogspot.pt

Ricardo- águialivre disse...

Um texto que nos prende à leitura. Maravilhoso
......................
Neste Domingo de Paz, passo para desejar um Natal muito Feliz para a administração do blogue, amigos, família, e para todos aqueles que gostam deste cantinho lindo

FELIZ NATAL

Cidália Ferreira disse...

Feliz Domingo
Feliz Natal e um feliz ano de 2016, extensivo a toda a família e amigos
Beijo
http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...