Bloquear botão direito do mouse: Bloquear seleção de texto: Bloquear tecla Ctrl+C/Ctrl+V: Bloquear arrastar e soltar:

sábado, 26 de janeiro de 2013

ROTINA



Hoje
à mesma hora de sempre, acordei;
estendi o braço
olhei o relógio
e levantei-me.

Hoje
à mesma hora de sempre, fui ás compras,
percorri os mesmos sítios, vi as mesmas pessoas
repeti as mesmas palavras, os mesmos gestos
é à mesma hora de sempre estava de volta.

Hoje
à mesma hora de sempre, almocei,
vi o mesmo programa de TV,
enquanto metia a loiça na máquina,
e pensava exactamente nas mesmas coisas de sempre.

Hoje
à mesma hora de sempre chegaste
trocámos o inevitável beijo
e dissemos um ao outro as mesmas frases,
e depois... como sempre ficámos calados.

Hoje
à mesma hora de sempre, jantámos
e depois como sempre saíste
e eu fiquei à tua espera frente à Televisão,
mais confusa do que a Laura da Vingança.

Hoje
à mesma hora de sempre, fizemos amor
ou executámos apenas um velho hábito?


elvira carvalho

terça-feira, 15 de janeiro de 2013

MYRYAN FRAGA




BANQUETE

O vinho
Que eu bebo
E o preço
De um homem.

O prato que eu como,
Sem fome,
E o salário
Da fome
De um homem.

Mas,

O sonho que eu travo
Com fúria nos dentes

E somente a metade
Do sonho
De um homem.

Myrian Fraga





Aqui a biografia da autora




Estou com problemas nos olhos, em tratamento, e por isso como estou proibida de passar muito tempo no pc, por vezes visito, leio, mas não comento. Para poder visitar mais amigos e ler mais textos.

segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

DULCILEIA ABREU DA SILVA

E VENHA A NOVA MULHER

Vaidosa, amorosa, sedutora
Intuitiva, imperativa, apelativa
Feminina, menina, mãe, mulher
Sabe o que quer, quando, e onde quer!

No campo, no mar, na cidade ou no ar,
A mulher está em todo lugar.
Aprendeu a estabelecer sua condição,
Chega de mansinho como quem não quer nada
Afastando a conversa de costela de Adão

E assim, vai resolvendo sua questão
E assumindo espaço que tem direito
Às vezes o espaço fica amplo demais.
Para a nova mulher de novo tempo

O trabalho é árduo
Tarefa multiplicada
A confusão está formada.
Porém, sabe que precisa de tempo e inteligência,
De nova organização social
Para que sua função seja reconhecida

Equilibrar o lar, filhos, trabalho e auto-suficiência
Tudo isso leva tempo.
O tempo que lhe permita educar
A nova geração de parceiros, do novo amanhecer
Com este modelo de mulher irá conviver,
Sem preconceito, sem mágoa ou frustração
Com divisão de tarefas e acção

Se estabelecendo com base no respeito mútuo, sem agressão
Visando uma sociedade de iguais
Onde não exista homem X mulher
E prevaleça sempre a razão.




Dulciléia Abreu da Silva


Mais uma vez não consegui encontrar nenhuma biografia desta autora apesar da net estar cheia de poemas seus.


APROVEITO PARA AGRADECER A COMPANHIA EM 2012 E DESEJAR-VOS UM ÓTIMO  2013.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...